Olho neles! As promessas do UFC Pittsburgh

Confira o trio de atletas que merece a sua atenção neste sábado (15)
BELFAST, NORTHERN IRELAND: (R-L) <a href='../fighter/justin-ledet'>Justin Ledet</a> secures a rear choke submission against <a href='../fighter/mark-godbeer'>Mark Godbeer</a> of England in their heavyweight bout during the <a href='../event/UFC-Silva-vs-Irvin'>UFC Fight Night </a>at the SSE Arena on November 19, 2016 in Belfast, Northern Ireland. (Photo by Brandon Magnus/Zuffa LLC)
Passadas as edições em Roterdã e Edmonton, o foco do UFC agora é a cidade de Pittsburgh, nos Estados Unidos, onde 11 duplas de lutadores medirão forças dentro do octógono em busca de vitórias e chances de subir em suas categorias neste sábado (15).

Liderado pela batalha entre o ex-campeão peso-médio Luke Rockhold e David Branch, e com lutas importantes para o andamento das divisões dos meio-médios e leves, o card do fim de semana representa também a oportunidade de conferir um trio de promessas do peso-pesado que esperam usar suas aparições como alavanca para grandes oportunidades no final do ano e em 2018.

Aqui vai uma rápida análise desses atletas.

Olho neles!

Justin Ledet e Zu Anyanwu

Entrando como substituto de Dmitriy Sosnovskiy, Zu Anyanwu é o segundo atleta descoberto no Dana White's Tuesday Night Contender Series a fazer sua estreia oficial no UFC. Sua aparição aconteceu ainda no primeiro programa, quando nocauteou Greg Rebello, mas não ganhou um contrato. Sua performance, no entanto, teve um grande impacto no Ultimate, e com a lesão de Sosnovskiy, o pesado agora terá sua chance de competir no maior palco do esporte.

Anyanwu venceu cinco seguidas e sete de suas últimas oito lutas, sendo que a única derrota veio para o também participante do DWTNCS Dan Spohn. Agora, o atleta de 36 anos entra no octógono para realizar o sonho de competir no UFC.

Invicto em nove aparições, Ledet se estabeleceu como alguém a ser observado em 2016, quando venceu Chase Sherman por pontos em sua estreia e finalizou Mark Goldbeer em um round na luta seguinte.

Voltando após cumprir suspensão por conta de um suplemento contaminado, o lutador de 28 anos mostrou habilidades variadas lideradas pelo boxe afiado. Jogador de basquete na época da faculdade, Ledet é um atleta sólido, com boa movimentação, distância e instinto.

Considerando que a categoria dos pesados sempre precisa de novos talentos, a luta pode chamar muita atenção no sábado e o vencedor poderá ter a chance de subir rapidamente nos rankings.

Confira o card completo do UFC Pittsburgh

Daniel Spitz

Estrear no UFC já é difícil e desafiador quando se vem de uma preparação completa, tanto física quanto psicológica. As coisas só complicam quando o convite para debutar no octógono vem em cima da hora.

A chegada de Spitz ao UFC foi do tipo em cima da hora, quando o atleta da Sikjitsu foi chamado para substituir Todd Duffee contra Mark Goldbeer no UFC 209. Apesar de ter conseguido alguns momentos positivos durante a luta, o lutador de 27 anos saiu derrotado, e sua estreia foi também sua primeira derrota profissional.

Com a experiência da primeira luta e uma preparação completa, Spitz fará a segunda aparição no octógono no sábado, quando encara o veterano Anthony Hamilton no que pode ser uma boa oportunidade de ver o que o lutador apelidado "Daddy Long Legs" (ele tem 2m de altura) pode fazer no cage.
 
Sábado, Outubro 7
Las Vegas, Nevada

Midia

Recente
Brasileira fala do triunfo sobre Claudia Gadelha por decisão unânime dos jurados na luta co-principal do UFC Japão.
23/09/2017
Brasileiro comenta a vitória por finalização sobre Ulka Sasaki no UFC Japão e pede disputa pelo cinturão dos pesos-mosca.
23/09/2017
Ovince Saint Preux comenta a vitória por finalização sobre o veterano Yushin Okami na luta principal do UFC Japão.
23/09/2017
Brasileira fala da sua vitória sobre Claudinha Gadelha por decisão unânime na luta co-principal do UFC Japão.
23/09/2017