McGregor se diz motivado pelo desrespeito da comunidade do boxe

Irlandês garante que usará status de ‘azarão’ a seu favor contra Mayweather

Entre o trabalho duro na academia e a promoção para o duelo contra Floyd Mayweather no dia 26 de agosto fora dela, Conor McGregor encontrou tempo para ouvir as críticas dos puristas do boxe, que acreditam que o campeão peso-leve do UFC não tem que dividir o ringue contra o invicto futuro membro do Hall da Fama. O duelo será transmitido ao vivo e exclusivo pelo Canal Combate, assine já. 

E ele está usando isso como motivação.

“Certamente me motiva o desrespeito e desprezo pelas minhas habilidades”, disse McGregor durante uma conferência telefônica com a imprensa na última quarta-feira, “As mentes das pessoas estão fechadas sobre como as coisas podem ser feitas. Como se não houvesse outro caminho. Se esse fosse o caso, nunca teríamos atravessado o oceano em busca de novas terras. Nunca teríamos ido ao espaço. Você precisa ter a mente aberta e precisa perceber que há outros caminhos. Você precisa respeitar outras disciplinas e outros estilos”.

Mais May x Mac: Tamanho das luvas e árbitros definidos | Dana White analisa duelo | Mayweather promete show | Anunciado card completo | Currículo Notório | Fã acompanhará de perto

Em menos de 10 dias, McGregor terá a chance de chocar o mundo e provar que um artista marcial misto de elite pode transitar para o ringue de boxe e derrotar um pugilista de elite. Seja um fã de boxe, um fã de MMA ou alguém que nem acompanha os esportes de combate, todos têm uma opinião sobre a luta da T-Mobile Arena, que está se transformando em um sucesso de bilheteria como o mundo dos esportes de combate nunca viu.

Mas negócios à parte, poderá McGregor solucionar o quebra-cabeça que ninguém conseguiu em 49 lutas nas últimas duas décadas? O irlandês estava mais quieto que o normal na quarta-feira, mas isso não quer dizer que sua confiança, que ele atribui às pessoas que o rodeiam, tenha diminuído.

“O time que tenho ao meu redor me encheu de confiança”, disse, “Temos uma equipe sólida, uma equipe que vem crescendo e se adaptando ao longo da minha carreira, e acho que apenas queremos saber como fazer e como fazer corretamente. Os treinos têm sido absolutamente sólidos, todos têm algo a dizer e escutam uns os outros. Minha palavra não é final, todas as opiniões estão lá e então tomamos a melhor decisão. E tem sido um camp incrível”.

E apesar de o irlandês ter previsto uma vitória no quarto round sobre Mayweather, que mudou para o segundo round após a Comissão Atlética de Nevada definir que a luta será disputada com luvas de oito onças, o “Notório” está se preparando para tudo.

“Estamos prontos para qualquer cenário”, disse, “Estou pronto para ir à guerra por 12 rounds e estou pronto para nocauteá-lo nos primeiros 10 segundos. É onde minha cabeça está”.

Se ele for capaz, prepare-se para ver o mundo parar por um momento. E apesar de que algumas pessoas dirão, “Eu avisei”, McGregor está com uma postura diferente no momento.

“Eu entendo”, ele disse, “Estou chegando agora e supostamente sou de outro esporte. Mas estou ansioso pelo dia 26 de agosto, para provar o que tenho dito e mostrar ao mundo o que são artes marciais e dar aos fãs e a todos uma boa luta e ganhar meu respeito neste jogo também”.

Estaria Conor McGregor amadurecendo aos 29 anos de idade?

“É mais um dia para mim”, disse, “Mais um dia de fazer história, mais um dia de fazer o que disseram que eu não deveria ou não poderia fazer. E vai ser mais um evento grandioso. Nada novo para mim”.

Assine o Combate | Siga o canal do UFC no YouTube | Baixe o aplicativo do UFC

Watch Past Fights

Sábado, Outubro 7
Las Vegas, Nevada

Midia

Recente
As estrelas do UFC Japão ficaram frente a frente na pesagem do evento que acontece nessa sexta-feira (22).
21/09/2017
Claudia Gadelha encara Jessica Andrade no card principal do UFC Japão, que acontece nesta sexta-feira (22).
20/09/2017
Jessica Andrade, a "Bate-Estaca", enfrenta Claudia Gadelha no card principal do UFC Japão. O Canal Combate transmite o evento ao vivo e com exclusividade a partir das 20h20 (horário de Brasília).
20/09/2017
Meio-pesado brasileiro fala sobre a preparação e expectativa para o duelo contra o estreante Gokhan Saki nesta sexta-feira (22).
20/09/2017