Anthony Smith - Perfil Oficial do Lutador do UFC®
Anthony
Smith
28-12-0( V-D-E )
Fight Night Bonuses: 1 Performance of the Night

Histórico de Lutas

Comparação de habilidades

Gráficos são compilados s baseado nos resultados de 5 lutas.
Recorde: 28-12-0
Sumário: Luta em pé, jiu-jitsu.

Informações do lutador

Apelido: Lionheart
De: Corpus Christi, Texas EUA
Representando: Omaha, Nebraska EUA
Idade: 29
Altura: 6' 4" ( 193 cm )
Peso: 185 kg ( 84 kg )
Reach 77"
Leg Reach 44"

Golpes

Tentativa total de golpes
0
488
47% de sucesso
227
Total de golpes bem sucedidos
0
227
76% Em pé
16% de sucesso
173
36
18
Defesa de golpes
48
%
Porcentagem total de golpes evitados

Grappling

Total de quedas
0
7
29% de sucesso
2
Tipo de quedas bem sucedidas
 
 
{0}% Finalização
{0}% Passagens
{0}% Raspagens
2
3
2
Takedown defesa
44
%
Porcentagem total de quedas evitadas
Resultado Lutadores Evento G Q F P Método Reprise Awards
Win
Anthony Smith
16 set 2017
65
35
1
0
0
0
0
0
R3 KO/TKO
Win
Anthony Smith
15 abr 2017
49
63
0
4
0
0
1
3
R3 KO/TKO
Win
Anthony Smith
3 dez 2016
29
48
0
0
0
1
0
0
R2 KO/TKO
Performance of the Night
Loss
Anthony Smith
8 jul 2016
30
33
6
0
0
1
3
0
R3 Decision - Unanimous
Win
Anthony Smith
21 fev 2016
57
64
2
0
0
0
2
2
R3 Decision - Unanimous
Loss
Anthony Smith
8 jun 2013
6
5
1
0
1
0
1
0
R1 Submission
Loss
Anthony Smith
Strikeforce - Marquardt vs Saffiedine
12 jan 2013
18
19
1
0
1
0
2
0
R2 Submission
Win
Anthony Smith
STRIKEFORCE on Showtime 3:Rousey vs. Kaufman
18 ago 2012
1
12
1
0
0
3
0
1
R1 Submission
Loss
Anthony Smith
Strikeforce Challengers 20
18 nov 2011
16
4
1
0
0
0
0
0
R1 KO/TKO
Win
Ben Lagman
Anthony Smith
Strikeforce Challengers 17
22 jul 2011
--
--
--
--
--
--
--
--
R2 KO/TKO

Biografia

TREINAMENTO: Meus treinos variam dia a dia, mas tipicamente eu tenho duas sessões por dia e condicionamento entre elas. Seis dias por semana nas últimas dez semanas.

Quando e por que começou a treinar para lutar? 2006. Era somente um adolescente que queria brigar sem entrar em confusão. Não esperava muita coisa. Fechei com meu time de empresários (Disorderly Conduct Management) e comecei a ir ao Premier Combat Center (o treinador principal é o veterano do UFC Ryan Jensen). Fui muito bem nos treinos e aprendi os aspectos do MMA e adorei. Agora, lutar é minha profissão e posso dizer honestamente que isso salvou minha vida.

Quais cinturões e conquistas você já teve? Atualmente sou o 26º no ranking mundial de acordo com o fightmatrix.com nos pesos-médios. Campeão peso-médio do XKL. Campeão peso-médio do Cornhusker Fight Club.

Você tem algum herói? Minha mãe.

O que significa para você lutar no UFC? Lutar no UFC é um sonho que se tornou realidade. Sempre estive sobre muitas provações e turbulências na minha vida. Tive minha chance muitas vezes e sempre bati na trave. Agora, finalmente, tenho a possibilidade de mostrar ao mundo do que sou capaz e deixar uma marca nele. Eu não me sinto como se estivesse lutando para os telespectadores ou para o público; estou lutando para mostrar a Dana White e ao UFC que eu pertenço a esse lugar e serei uma futura estrela. Meu objetivo é impressioná-los. Essa chance mudou minha vida por completo e irei aproveitá-la.

Você fez faculdade e, se sim, no que se formou? Não, sempre fui lutador.

Qual era seu emprego antes de começar a lutar? Me tornei profissional com 19 anos, este é meu trabalho. Pago minhas contas, lutando e vivendo deste esporte que eu amo.

Alguma realização específica em competições amadoras? Fiz mais ou menos 30 lutas amadoras e venci todos os eventos em Nebraska.

Graduações em artes marciais: Faixa roxa de jiu-jitsu na Gracie Barra.

Técnica favorita de luta agarrada: Triângulo.

Técnica favorita de luta em pé: Chutes na cabeça.

Qual você considera ser a luta mais importante na sua carreira e por qual motivo? Foi a minha derrota para Jesse Forbers, assim que ele foi cortado do UFC. Eu estava batendo nele no primeiro round e eu quebrei meu antebraço na testa dele e acabei perdendo a luta no segundo round. Aquilo me mostrou que eu pertencia ao lugar mais alto desse esporte. Depois daquela luta eu tive cinco vitórias consecutivas, incluindo uma vitória com apenas um minuto de luta contra um lutador renomado, Eric Schambari.

• Profissional desde 2008;

• 14 vitórias por nocaute, dez por finalização (quatro triângulos, duas chaves de braço, duas finalizações não releveladas, um katagatame, um mata-leão) - apenas duas vitórias por decisão;

• Cartel de 7-1 entre as aparições no UFC - luta mais recente fora do UFC foi uma vitória sobre Josh Neer, em janeiro de 2016;

• 15 vitórias no primeiro round;

• Vencedor de nove de suas últimas 10 lutas.

Carreira

Mais lutadores